Coronavírus no Piauí

Hospital de Campanha do Verdão contará com salas de visita virtual

Como os pacientes com Covid-19 não podem receber visitas presenciais, foi disponibilizada uma sala de visitas virtuais onde parentes dos internados poderão entrar em contato através de videochamadas.
29/05/2020 12h45 - atualizado

Nesta sexta-feira, 29 de maio, o governador Wellington Dias entregou o Hospital de Campanha do Ginásio Verdão, em Teresina. O hospital disponibilizará 103 leitos para pacientes com Covid-19, e começará a receber pacientes já na próxima segunda-feira, 1º de junho.

O Hospital de Campanha do Ginásio Verdão contará com quatro tablets e quatro notebooks para possibilitar as visitas virtuais aos pacientes hospitalizados. O local já conta com estrutura tecnológica implantada pela Piauí Conectado, que será utilizada nas salas de videoconferências.

  • Foto: Divulgação/AscomHospital de Campanha do Governo do Estado, localizado no Ginásio Verdão.Hospital de Campanha do Governo do Estado, localizado no Ginásio Verdão.

Por conta do alto risco de contágio da Covid-19, os pacientes com a doença não podem receber visitas presenciais. No entanto, a tecnologia viabiliza que a distância seja encurtada, proporcionando o contato por meio de videochamadas realizadas nas salas de visitas virtuais.

O sistema de visitas virtuais vai funcionar da seguinte forma: os familiares irão até o Hospital de Campanha e entrarão por um portão exclusivo para eles. Após contato com a equipe de psicologia e assistência social, se deslocarão a uma das cabines do ginásio, onde vai funcionar a sala de apoio à família, e de lá farão a videochamada através da plataforma Cisco Webex. Após o uso, cada equipamento será higienizado para que outra família possa utilizá-lo de forma segura.

Segundo Joel Rodrigues, coordenador do projeto de PDI da Universidade Federal do Piauí (UFPI) para o Hospital de Campanha Estadual, a medida visa oferecer segurança a todos, tanto os familiares como os pacientes e os profissionais do hospital.

“É uma ferramenta de comunicação entre o paciente e os familiares, que não podem realizar visita por razões de segurança de todos. Eles vão ficar a distância e serão acompanhados por uma equipe multidisciplinar de psicólogos e assistentes sociais do hospital. E o paciente estará no seu leito com o tablet”, explica.

O Hospital de Campanha do Verdão dispõe de estrutura de Wi-Fi livre fornecida pela Piauí Conectado, a rede Piauí Connect. De acordo com Leonardo Chagas, diretor de operações da Piauí Conectado, a ação configura-se como mais uma iniciativa de combate à disseminação do coronavírus.

“O hospital de campanha já conta com a rede Wi-Fi Piauí Connect e agora estamos disponibilizando mais mecanismos para proporcionar certo conforto aos pacientes e também aos familiares que, mesmo distantes, terão contato com seus entes nesse momento delicado”, afirma.  

Através de soluções tecnológicas, o projeto Piauí Conectado vem contribuindo com ações de enfrentamento à Covid-19. A empresa disponibilizou 77 equipamentos, entre notebooks e tablets, ao Governo do Piauí para que médicos acompanhem pacientes por meio da telemedicina, para que pacientes comuniquem-se com seus familiares e para que gestores realizem videoconferências.

Além do Hospital de Campanha do Estado, outros órgãos também receberam equipamentos para auxiliar na continuação dos serviços, entre eles o Hospital Getúlio Vargas (HGV), o Hospital da Polícia Militar (HPM), o Hospital Universitário (HU), o Corpo de Bombeiros Militar do Piauí e a Secretaria Estadual da Assistência Social (SASC).

Mais na Web