Piauí

Idepi recupera trecho da rodovia PI-309 em Piracuruca

O serviço realizado no local compreende a recuperação pontual da pavimentação; desobstrução de bueiros e recuperação de erosões laterais a rodovia.
  • DA REDAÇÃO
10/06/2019 08h57

O Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento do Piauí (Idepi), recupera trecho da rodovia PI-309, que liga a BR-343, em Piracuruca (PI), à BR-402, em Chaval (CE). A via passa por Cocal e pelos povoados Brejinho e São Domingos, com um total de 66,66km. A previsão de conclusão dos serviços é até o dia 15 de julho.

Engenheiros do Idepi vistoriaram a rodovia estadual e verificaram problemas em um trecho da via. De imediato, foram providenciadas as correções dos defeitos identificados.

  • Foto: Divulgação/Governo do PiauíRecapeamentoRecapeamento

“Os técnicos constataram o afundamento da trilha de roda; existência de “panelas” ou buracos causados pelo excesso de ligante asfáltico, compactação e sobrecarga de veículos pesados que trafegam na via, além do desgaste causado pelo inverno rigoroso”, explicou o diretor-presidente do Idepi, Leonardo Sobral.

Segundo o gestor, a construtora, que atualmente é responsável pela execução da obra, foi acionada e já está fazendo o serviço para solucionar os defeitos pontuais. “Podemos destacar que o trecho é uma rodovia estadual, mas passou a ser uma rodovia de ligação entre as rodovias federais, BR-343 (Teresina/Parnaíba) e BR-402 (Parnaíba/Sobral). Com isso, gerou um tráfego desviado, absorvendo um fluxo, principalmente, de caminhões e carretas bitrem e rodotrem, ligando os três estados, Piauí, Maranhão e Ceará. Devido a esse tráfego intenso, o pavimento passou a ter um processo de desgaste mais avançado”, explica Sobral.

O serviço realizado no local compreende a recuperação pontual da pavimentação; desobstrução de bueiros e recuperação de erosões laterais a rodovia.

O diretor-presidente do Idepi chama atenção para o fato de que os defeitos encontrados representam apenas, aproximadamente, 1,5% de toda a extensão da via, que tem 66,66Km. Portanto, o restante da rodovia está em perfeito estado de trafegabilidade.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web