Polícia

Irmãos são presos no Dirceu por tráfico de drogas e associação

Os dois irmãos foram presos preventivamente por volta das 13h de hoje (09).
  • VITOR FERNANDES
09/11/2017 18h11 - atualizado

A Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre) com apoio do 8º Batalhão da Polícia Militar prendeu dois homens identificados como Rafael Alves e Laércio Alves, conhecido como Neco, por tráfico de drogas e associação criminosa. Os dois irmãos foram presos preventivamente por volta das 13h de hoje (09) na região do Grande Dirceu.

  • Foto: DepreRafael Alves e Laércio Alves.Rafael Alves e Laércio Alves.

O delegado Menandro Pedro conta que já houve tentativas de prisão dos dois irmãos. "Nós tínhamos apreendido uma droga com ele numa operação passada e eles tinham fugido e nós não tínhamos conseguido prender eles. Nós pedimos a prisão, saiu (o mandado) e nós prendemos eles ali na área do Dirceu", contou.

Além desses dois mandados, foram cumpridos pela Depre mais quatro só no dia de hoje. Um é o Flávio do Nascimento Moraes, acusado de chefiar o tráfico de drogas no Mocambinho. O outro é o sargento da Polícia Militar, José Adonias, preso com Antônio Carlos acusados de trazer drogas de outro estado e armazenar em uma casa na zona norte da capital. Em ação concomitante foi preso Carlos Bruno Torres em poder de uma pistola 380 no carro do Antônio Carlos, conhecido como Bola Sete.

Mais na Web