Política

Ítalo Barros diz que Projeto de Lei não limita quantidade de Uber

O projeto foi aprovado na Câmara Municipal de Teresina na última terça-feira (11).
13/12/2018 15h20 - atualizado

O vereador Ítalo Barros (PTC), relatou que o projeto aprovado pela Câmara Municipal de Teresina, na última terça-feira (11) não limita a quantidade de Uber na capital.

“Sou a favor de termos cinco mil, dez mil, ou até mais motoristas por aplicativos, desde que seja essa a demanda da cidade”, disse Ítalo Barros. O parlamentar afirmou que ao contrário do que andam disseminando nas redes sociais a PL 190/2018 aprovada não determina quantidade, mas visa proporcionar mais segurança para passageiros e motoristas.

  • Foto: Divulgação / AscomVereador Ítalo BarrosVereador Ítalo Barros

“O que nós vereadores aprovamos na Câmara Municipal, foi tão somente, uma regulamentação inicial. Não limitamos em momento algum a quantidade de veículos, por exemplo. O projeto deixa em aberto para aumentar, ou diminuir, de acordo com a demanda da cidade”, argumentou.

De acordo com Ítalo Barros, a Prefeitura de Teresina ainda não tem informações a respeito dos operadores dos veículos que atuam na capital ofertando serviço de transporte por meio de aplicativos, e que o órgão municipal segue com a proposta de assegurar direitos trabalhistas e eventuais direitos previdenciários.

“Precisamos saber quem são, quantos são, o ano do veículo, e assim dar mais segurança ao usuário e aos operadores. Não teremos prejuízo alguém. O que defendemos é que as informações sejam repassadas”, finalizou o vereador.

Mais na Web