Piauí

Juiz manda vereador remover postagens sobre Zé Raimundo nas redes sociais

O juiz José Osvaldo de Sousa deferiu pedido de tutela urgência e determinou ao vereador Adauberon de Morais que remova de suas redes sociais conteúdo relacionado ao prefeito de Oeiras.
28/08/2020 06h31 - atualizado

O juiz José Osvaldo de Sousa deferiu pedido de tutela de urgência e determinou ao vereador Adauberon de Morais que remova de suas redes sociais conteúdo relacionado ao prefeito de Oeiras, José Raimundo de Sá Lopes, conhecido como Zé Raimundo.

O gestor municipal impetrou pedido de tutela provisória de urgência solicitando à Justiça do Piauí que determinasse a retirada de conteúdos que possam ferir a sua moral e idoneidade das redes sociais do vereador Adauberon, que teria divulgado supostas irregularidades cometidas pelo prefeito durante o mandato.

  • Foto: Prefeitura de OeirasPrefeito de Oeiras, Zé Raimundo.Prefeito de Oeiras, Zé Raimundo.

Zé Raimundo baseou seu pedido de urgência no fato de que exerce o cargo de prefeito municipal de Oeiras, e que a demora na solução da lide poderia causar danos irreparáveis para o mesmo, seja na sua vida privada, seja na sua vida pública, como dito na pela inicial, tendo em vista a abrangência e o alcance das notícias veiculadas.

Conforme a decisão judicial, a documentação anexada pelo prefeito mostra o vínculo jurídico entre o prefeito e o vereador, insurgindo-se contra as apontadas irregularidades nas divulgações do fato em rede social.

O juiz ressaltou que os fatos alegados na inicial divulgados pelo vereador, de forma preliminar, foram esclarecidos e encontram-se sendo discutidos no presente feito.

Diante dos fatos, o juiz concedeu a tutela provisória de urgência e determinou que o vereador Adauberon de Morais remova das suas redes sociais, no período de 48 horas, o conteúdo dirigido ao prefeito Zé Raimundo, sob pena de multa diária de R$ 200,00, com limite de 30 dias.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web