Piauí

Juiz Marcus Klinger atuará no processo do filho de Noé Pacheco

Marcus Klinger poderá manter ou reformar a decisão que concedeu liberdade provisória sem fiança, de acordo com o Código de Processo Penal.
06/04/2021 17h25

Nesta terça-feira (06), o Tribunal de Justiça do Piauí designou, o juiz da 3ª Vara da Comarca de Floriano, Marcus Klinger Madeira de Vasconcelos, para atuar no processo que apura os crimes de embriaguez ao volante e lesão corporal atribuídos a Lucas Manoel Soares Pacheco, filho do juiz Noé Pacheco de Carvalho.

Lucas Manoel foi preso em flagrante no dia 29 de março, e solto pelo pai. Noé Pacheco determinou o envio dos autos ao substituto legal, Carlos Eugênio Macedo de Santiago, da 1ª Vara, que se declarou suspeito, por motivo de foro íntimo, para funcionar no processo.

Marcus Klinger poderá manter ou reformar a decisão que concedeu liberdade provisória sem fiança, de acordo com o Código de Processo Penal.

O caso

Na madrugada do dia 29 de março, o juiz Noé Pacheco de Carvalho de Floriano, mandou soltar o próprio filho, Lucas Manoel Soares Pacheco, preso em flagrante pelo crime de embriaguez ao volante e provocar um acidente que deixou uma pessoa ferida no Sul do Piauí.

Lucas Manoel foi preso em flagrante e conduzido para o distrito policial. A homologação da prisão foi feita pelo pai, o juiz Noé, que concedeu liberdade provisória sem pagamento de fiança horas depois do da ocorrência.

Mais na Web