Entretenimento

Mãe de Ronaldinho Gaúcho morre aos 71 anos vítima da Covid-19

Dona Miguelina, mãe de Ronaldinho Gaúcho, estava internada desde o mês de dezembro do ano passado em um hospital de Porto Alegre.
21/02/2021 10h31 - atualizado

Nesse sábado (20), a mãe do ex-jogador Ronaldinho Gaúcho, dona Miguelina Eloi de Assis Moreira, morreu aos 71 anos, em um hospital de Porto Alegre, devido a complicações provocadas pela Covid-19.

A mãe de Ronaldinho Gaúcho estava internada desde o mês de dezembro do ano passado no Hospital Mãe de Deus, em Porto Alegre. Dona Miguelina chegou a ter uma melhora no quadro de saúde, mas nos últimos dias o seu estado acabou piorando. Devido às complicações, a mãe do ex-jogador faleceu na tarde desse sábado.

  • Foto: DivulgaçãoMãe de Ronaldinho Gaúcho morre aos 71 anos vítima da Covid-19Mãe de Ronaldinho Gaúcho morre aos 71 anos vítima da Covid-19

Até o momento, Ronaldinho Gaúcho não se manifestou sobre a morte da mãe nas redes sociais, mas sua conta no Instagram amanheceu sem foto de perfil.

O Alético Mineiro, clube em que Ronaldinho jogou de 2012 a 2014, lamentou a morte de dona Miguelina. No ano de 2012, a torcida do clube levou uma enorme bandeira com rosto da mãe do jogador para o estádio, nesse período, dona Miguelina se recuperava de um câncer.

"É com enorme tristeza, que o Clube Atlético Mineiro recebe a notícia do falecimento de Dona Miguelina, mãe de Ronaldinho Gaúcho. A família atleticana está de luto e compartilha com seu ídolo o momento de dor. Que Deus a receba de braços abertos e conforte o coração do nosso eterno craque. Descanse em paz, Dona Miguelina", publicou o clube.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web