Entretenimento

Maisa Silva comenta caso de agressão na UFDPar e cobra punição

Na postagem, realizada pela apresentadora em seu perfil oficial do Twitter, Maisa compartilhou a sua indignação com o caso e cobrou uma punição severa ao agressor.
04/06/2019 14h20 - atualizado

A apresentadora e atriz Maisa Silva se pronunciou, através de uma postagem em seu perfil oficial no Twitter, sobre o caso de agressão a uma árbitra ocorrido na Universidade Federal do Delta do Parnaíba (UFDPar), ocorrido na noite dessa segunda-feira, 3 de junho.

  • Foto: DivulgaçãoA apresentadora Maisa Silva comentou sobre o caso de agressão ocorrido na UFDPar.A apresentadora Maisa Silva comentou sobre o caso de agressão ocorrido na UFDPar.

Na postagem, a apresentadora compartilhou a sua indignação com o caso e cobrou uma punição severa ao agressor.

  • Foto: Twitter/MaisaA apresentadora e atriz Maisa Silva comentou sobre o caso de agressão ocorrido na UFDPar.Postagem feita pela apresentadora em seu perfil oficial no Twitter.

Até o momento de produção desta matéria, a postagem feita por Maisa já somava mais de 2,3 mil compartilhamentos e tinha mais de 10 mil curtidas.

Entenda o caso

A árbitra identificada como Eliete Fontenele teria sido agredida a socos pelo estudante universitário Rodrigo Quixada, durante uma partida de futsal que estava sendo realizada na quadra da Universidade Federal do Delta do Parnaíba.

De acordo com um vídeo que circula nas redes sociais, estava acontecendo uma partida de futsal entre turmas dos cursos de Engenharia de Pesca e Ciências Contábeis. Eliete era árbitra do jogo e, após dar um cartão vermelho para o jogador Rodrigo Quixada, foi agredida pelo estudante.

Mais na Web