Política

Markim Costa avalia convites de partidos após expulsão do Democratas

O parlamentar afirmou que já está conversando com presidentes de outras siglas, mas que ainda não há uma decisão sobre filiação.
06/07/2021 16h13 - atualizado

Na manhã desta terça-feira (06), o vereador Markim Costa (Sem partido), falou ao  Viagora  sobre sua saída do Democratas, após ser expulso do partido no dia 25 de junho e conversas para se filiar a um novo partido.

O Democratas expulsou o vereador, alegando que Markim Costa estava apoiando a base do prefeito Dr. Pessoa, contrariando a declaração de oposição do partido à gestão municipal.

  • Foto: Luis Marcos/ ViagoraVereador Markim CostaVereador Markim Costa

De acordo com o vereador, mesmo se a sigla voltasse atrás em sua decisão, sua volta ao partido não teria mais “clima”, o que o fez optar por não entrar com recurso.

“Na sexta-feira terminou o prazo de recurso, eu conversei com o presidente Ronney [Lustosa] e nós resolvemos por não entrar com recurso porque já tínhamos algumas decisões que não tinha mais clima depois de a nacional poderia reverter a decisão e se eu voltasse pro partido ia perder o clima, eles poderia reverter e eu ficar sem clima dentro do partido”, ressaltou.

O parlamentar afirmou que já está conversando com presidentes de outros partidos como Aluísio Sampaio (Progressistas) e Marcelo Castro (MDB), mas que ainda não há uma decisão sobre filiação.

“Conversei com o presidente Jeová que está marcando uma reunião com o presidente do MDB, Marcelo Castro. Acabei de conversar com o deputado Georgiano, que veio nos convidar para o PSD e já tinha tido o convite do deputado Evandro, pelo PDT, do próprio Aluísio Sampaio que é o presidente municipal, que nos convidou para o partido Progressistas. Então a gente tá avaliando, a gente tem prazo ainda e no momento certo vai decidir qual o melhor partido", destacou.

Mais na Web