Piauí

Ministério Público inspeciona Hospital Regional Tibério Nunes

O trabalho de vistoria foi realizado pelo promotor Arimatéa Dourado Leão. O Centro de Atenção Psicossocial de Álcool e Drogas (CAPS-AD) também passou por inspeção.
26/10/2021 08h01 - atualizado

O Ministério Público do Piauí (MP-PI), através da 1ª Promotoria de Justiça de Floriano, realizou, nessa sexta-feira (22), duas inspeções presenciais em estabelecimentos de saúde, o Hospital Regional Tibério Nunes (HRTN) e o Centro de Atenção Psicossocial de Álcool e Drogas (CAPS-AD). O trabalho foi realizado pelo promotor de Justiça Arimatéa Dourado Leão.

  • Foto: Divulgação/MPPIDependência fiscalizadaDependência fiscalizada

Segundo o MP-PI, a 1ª Promotoria de Justiça recebeu reclamações sobre a falta de insumos nos locais. Em conversa com os pacientes do CAPS-AD, o órgão de justiça constatou a falta de carne para consumo dos que ali são atendidos, fato que foi confirmado durante a visita. O promotor de Justiça afirmou que deverá expedir recomendação ao município de Floriano sobre a alimentação do centro.

Ainda segundo o órgão ministerial, durante visita ao Tibério Nunes, o Arimatéa Dourado Leão visitou as dependências do hospital, como a farmácia, o almoxarifado e a cozinha. O promotor constatou que o fornecimento de alimentos e medicamentos ocorre de forma regular.

Mais na Web