Piauí

Ministério Público realiza inspeção na UPA de São Raimundo Nonato

De acordo com o MPPI, em particular, a equipe de inspeção averiguou a situação dos leitos destinados ao tratamento de pacientes com Covid-19.
27/06/2021 07h54 - atualizado

Na última terça-feira (22), o Ministério Público do Piauí, por meio da 2ª Promotoria de Justiça de São Raimundo Nonato, com apoio do Centro de Apoio Operacional de Defesa da Saúde (CAODS), realizou inspeção virtual na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de São Raimundo Nonato.

Segundo o MPPI, a fiscalização foi realizada por videoconferência, em respeito às recomendações de contenção e prevenção à Covid-19. A vistoria foi coordenada pelos promotores de Justiça Gabriela Almeida e Jorge Pessoa.

Representantes dos Conselhos Regionais de Enfermagem do Piauí (Coren) e de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 14ª Região (Crefito-14) também participaram da auditoria na unidade de saúde.

A UPA de São Raimundo Nonato funciona de forma exclusiva para o atendimento de pacientes infectados com o novo coronavírus.

De acordo com o MPPI, em particular, a equipe de inspeção averiguou a situação dos leitos destinados ao tratamento de pacientes com Covid-19. Atualmente, a unidade possui 15 leitos clínicos e 20 de terapia intensiva (UTI).

Além dos promotores de Justiça, a equipe de vistoria foi integrada também pelos médicos do MPPI, Celso Pires Filho e Viviane Pompeo. Os dois profissionais vão elaborar relatórios técnicos sobre o trabalho de inspeção. Os documentos devem subsidiar a atuação dos promotores de Justiça para requerer junto ao estado e ao município o aperfeiçoamento da unidade de saúde inspecionada.

Mais na Web