Esportes

"Não foi minha culpa", diz Thiago Silva pedino desculpas á torcida do milan

Visivelmente chateado com a transferência para o PSG, jogador dá a entender que negociação foi imposta e que não queria ter deixado o futebol italiano.
    19/07/2012 15h30

    O zagueiro Thiago Silva deu a primeira entrevista como jogador do Paris Saint-Germain. Nesta quinta-feira, em St. Albans, na Inglaterra, onde a seleção brasileira para os Jogos Olímpicos, o defensor afirmou que não tinha a intenção de deixar o Milan – o contrato havia sido renovado até 2017. O jogador pediu desculpas para a torcida rossonera e fez questão de se defender das acusações de que é “mercenário”.

    Imagem: Mowa PressThiago Silva lamenta saída do Milan (Imagem:Mowa Press)Thiago Silva lamenta saída do Milan

    Thiago Silva foi negociado por € 41 milhões (R$ 102 milhões). Chateado com a saída do Milan, o jogador, de 27 anos, respondeu à questão em tom de desabafo.

    - É a minha primeira entrevista como atleta do PSG. Fico feliz com a transferência, mas triste com a minha saída do Milan. Vivi emoções fortes ali dentro. É um clube que se dedica aos jogadores, ao grupo... Devo tudo a eles. Não foi 100% da minha decisão porque eu tinha até renovado. As pessoas falam que eu sou mercenário, mas não estou saindo para ganhar mais do que ganharia no Milan. Quero dizer que a culpa não é minha e peço desculpas ao torcedor do Milan. Mas é página virada e espero fazer história no Paris.

    Questionado de forma mais veemente sobre a saída do Milan, que aconteceu uma semana após coletiva para anunciar sua permanência na Itália, Thiago Silva preferiu não entrar em detalhes. Mas deixou a entender que os valores oferecidos pelo PSG ao time rossonero inviabilizaram a sua permanência e que a transferência foi praticamente imposta pelos italianos.

    - Para as pessoas que estão de fora e entendem um pouco de futebol sabem que um pingo é letra. Foi uma situação complicada para mim. A vontade minha e dos meus familiares era não sair do Milan. O Leonardo (diretor esportivo) e o Ancelotti (Carlo, treinador do PSG) me ligaram. (O Léo) É um cara que eu tenho um carinho grande, confio muito. O que me fez mudar de clube, não 100%, foi o projeto. Como o Ibrahaimovic disse: o time que está sendo formado é dos sonhos.

    Nesta quinta-feira, ao lado da delegação da seleção brasileira, Thiago Silva vai seguir para Middlesbrough, local do confronto diante da Grã-Bretanha. O grupo retorna ainda na sexta-feira e segue a preparação para a estreia nos Jogos de Londres, em St. Albans, que fica a 50km de Londres.

    Mais na Web