Piauí

Ouvidora-geral da OAB-PI é internada com suspeita de coronavírus

A advogada realizou os exames e o resultado deverá ficar pronto no prazo de sete dias. Ela segue internada sem receber visitas.
17/03/2020 16h50 - atualizado

Devido à suspeita de infecção pelo Covid-19, a ouvidora-geral da OAB Piauí, Élida Fabrícia Franklin, está internada em isolamento hospitalar na Teresina ao apresentar sintomas semelhantes ao do coronavírus, após chegar de uma conferência nacional que ocorreu entre os dias 5 e 6 de março em Fortaleza.

De acordo com a advogada, ela apresentou sintomas como tosse, dor de garganta, febre alta e falta de ar, que são comuns em pacientes diagnosticados com o Covid-19.

  • Foto: Arquivo pessoalÉlida Fabrícia Franklin, ouvidora-geral da OAB PiauíÉlida Fabrícia Franklin, ouvidora-geral da OAB Piauí

A advogada informou que teve conhecimento no último sábado (14), de que a conselheira do evento em que participou em Fortaleza estava com o coronavírus.

Élida realizou os exames para o novo coronavírus e o resultado deve ficar pronto no prazo de sete dias. A advogada segue internada, sem receber visitas.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web