Piauí

Palestra no MP debate a prevenção e combate a incêndios em Picos

As palestras advertem os cuidados ambientais durante o período mais quente do ano, já que o número de queimadas tende a subir.
  • DA REDAÇÃO
13/08/2019 06h25 - atualizado

A 6ª Promotoria do Ministério Público de Picos promoveu uma palestra, nessa semana, para discutir a prevenção e o combate a incêndios no município. A ocasião também contou com a presença do Corpo de Bombeiros de Picos.

O tenente da corporação iniciou a programação destacando a importância da iniciativa da instituição ministerial e explicou como funciona a atuação do Corpo de Bombeiros na prevenção e combate à focos de incêndios. A campanha alerta à população sobre os cuidados entre os meses de agosto e dezembro, devido ao ar seco e a escassez de chuvas, o acúmulo da poluição aumenta e torna queimadas mais propensas.

  • Foto: Divulgação/MPPIA ocasião também contou com a presença do Corpo de Bombeiros de Picos.A ocasião também contou com a presença do Corpo de Bombeiros de Picos.

O promotor de Justiça Maurício Verdejo também pontuou os problemas que podem ser acarretados com as queimadas. “Conscientizar a população sobre os malefícios da queima de lixos é muito importante, pois o uso dessa prática é perigoso e pode causar sérios prejuízos à natureza e uma série de doenças às pessoas, tais como: infecção do sistema respiratório; asma; bronquite; irritação nos olhos, nariz e garganta; tosse; falta de ar e alergia na pele; conjuntivite e desordem cardiovasculares. Queimada irregular além de ser crime, faz mal às pessoas, aos animais e ao meio ambiente”, destaca.

Mais na Web