Coronavírus no Piauí

Pastora morre após parto prematuro por complicações da Covid em Teresina

Segundo a Secretaria de Saúde de São Raimundo Nonato, a pastora contraiu a doença quando estava grávida.
27/07/2021 08h00 - atualizado

Na noite desse domingo (25), a pastora da Igreja das Nações de São Raimundo, Carla Íris Ramos, morreu vítima do novo coronavírus em Teresina.

De acordo com a Secretaria de Saúde de São Raimundo Nonato, a pastora estava grávida quando contraiu a covid-19 e foi internada em um hospital local, mas seu quadro piorou e ela foi transferida para a Maternidade Dona Evangelina Rosa na capital, onde teve um parto prematuro.

  • Foto: Divulgação/FacebookPastora Carla Íris Ramos.Pastora Carla Íris Ramos.

Segundo a secretaria, ela estava internada há quase um mês, chegou a ser intubada, mas não resistiu as complicações da doença e faleceu. O bebê está bem.

Em nota, a Prefeitura de São Raimundo Nonato, em nome da prefeita Carmelita Castro lamentou a morte da pastora Carla Íris, que era casada com o pastor Fernando Ramos.

“Nesse momento de dor pedimos a Deus que conforte o coração dos amigos e familiares de Carla Íris”, diz um trecho da nota.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web