Política

Pazuello diz que não está doente e continua como ministro da Saúde

O ministro negou que tenha pedido ao presidente Jair Bolsonaro para deixar o comando do Ministério da Saúde.
15/03/2021 10h46 - atualizado

Nesse domingo, 14 de março, o ministro Eduardo Pazuello afirmou que continua no cargo e não sairá do comando do Ministério da Saúde até que o presidente Jair Bolsonaro solicite. A informação é da CNN Brasil.

“Não estou doente, continuo como ministro da Saúde até que o presidente da República peça o cargo. A minha missão é salvar vidas”, informou Pazuello por meio de nota divulgada pela assessoria do ministério.

A declaração do ministro acontece em meio a rumores de discussões do governo para sua substituição. Na tarde de ontem (14), o presidente Bolsonaro se encontrou com a médica cardiologista Ludhmila Hajjar, um dos nomes cotados para assumir o cargo de Pazuello.

Segundo interlocutores do Palácio do Planalto, a substituição do ministro da Saúde teria sido tema de uma reunião de Bolsonaro com ministros da ala militar, ocorrida no sábado (13), da qual participaram Braga Neto (Casa Civil), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo), Fernando Azevedo (Defesa) e o próprio Eduardo Pazuello.

Mais na Web