Piauí

“Pedimos o estorno do dinheiro repassado ao Setut”, diz Robert Rios

O vice-prefeito e secretário de Finanças afirmou que a Prefeitura de Teresina solicitou o retorno dos R$ 600 mil repassados às empresas que atuam no setor de transporte coletivo na capital.
26/01/2021 11h15 - atualizado

Nessa segunda-feira, 25 de janeiro, a Prefeitura de Teresina anunciou o repasse de R$ 600 mil para as empresas que atuam no setor do transporte coletivo na cidade, para custear o pagamento do ticket alimentação e plano de saúde dos trabalhadores.

Apesar disso, os motoristas e cobradores continuaram com a paralisação nesta terça-feira (26), afirmando que as empresas ainda não efetuaram o pagamento dos benefícios e do valor integral do salário previsto em contrato.

Em entrevista ao Viagora, o vice-prefeito e secretário municipal de Finanças, Robert Rios (PSB), afirmou que a prefeitura requisitou o estorno do valor repassado às empresas.

“Nós pedimos hoje o retorno do dinheiro. O dinheiro com grande sacrifício que nós demos, eles fizeram um acordo e não cumpriram o acordo. Se não cumpre o acordo, o dinheiro tem que ser estornado”, comentou.

  • Foto: Luís Marcos/ViagoraVice-prefeito Robert RiosRobert Rios afirmou que a Prefeitura de Teresina solicitou o estorno do valor repassado às empresas de transporte coletivo.

Robert declarou que as negociações serão feitas agora diretamente pelos profissionais da categoria com os empresários do setor.

“O problema é dos motoristas agora com os empresários. A prefeitura não é parte, apenas cuida da parte de liberar vans, de quem tem carro particular e quiser fazer o transporte nas paradas, aí a prefeitura libera geral”, disse.

Para o secretário, a população não enfrentará muitos problemas de locomoção devido aos transportes alternativos que estão rodando durante a paralisação dos ônibus.

“Eu acho que a população vai até gostar mais. Está cheio de van rodando pegando a população, com ar condicionado. A população termina gostando”, completou.

Afastamento

Robert Rios desmentiu que estaria se afastando da Secretaria Municipal de Finanças (SEMF) por problemas de saúde. Ontem (25), foi publicada uma portaria assinada pelo prefeito Dr. Pessoa (MDB) nomeando Odimirtes Araújo Costa Reis Neves para responder pelo comando da pasta, enquanto o titular estivesse afastado.

“Foi nomeada apenas a minha substituta eventual. Todo secretário tem seu substituto, e a Dra. Odimirtes foi nomeada minha substituta, caso eu tenha algum afastamento, ela assume, como uma viagem que eu vier a fazer, por exemplo. Estou sentado na minha mesa trabalhando, com gente para receber e problemas para resolver. De saúde eu sempre tive problema, mas não estou morrendo, não. Problema de saúde eu tenho faz tempo, todo mundo sabe disso”, finalizou.

Mais na Web