Polícia

PF emite alerta após estudante Marcos Vitor ser considerado foragido

Segundo a Polícia Civil, foram cumpridas buscas nos endereços do investigado em Manaus e em Teresina, mas ele não foi localizado.
13/10/2021 09h11 - atualizado

Nessa terça-feira (12), a Polícia Federal emitiu um alerta para os aeroportos após o estudante de medicina, suspeito de estuprar crianças em Teresina, ter sido considerado foragido pela polícia.

A Polícia Federal informou através de nota que foi acionada em virtude da possibilidade de tentativa de fuga do suspeito para o exterior e que todas as unidades da polícia nas fronteiras aéreas e terrestres foram comunicadas e encontram-se em alerta.

Segundo a Polícia Civil, foram cumpridas buscas nos endereços do investigado identificado como Marcos Vitor Aguiar Dantas Pereira, em Manaus e em Teresina, mas ele não foi localizado.

  • Foto: DivulgaçãoMarcos Vitor Aguiar Dantas Pereira.Marcos Vitor Aguiar Dantas Pereira.

Marcos Vitor é suspeito de abusar sexualmente de duas irmãs e duas primas na capital piauiense, sendo que a vítima mais nova, que é irmã do estudante, tem três anos de idade.

O advogado de defesa da família das crianças, Rodrigo Araújo emitiu uma nota comemorando a decisão da justiça sobre o caso e diz que espera que a prisão se efetive e que o Ministério Público denuncie o indiciado, assim como é o desejo da família.

“Temos uma vitória dessas que marca justamente a busca pela Justiça às vítimas tão pequenas e indefesas. Que a prisão se efetive e que o inquérito seja tão logo concluído, que o Ministério Público denuncie o indiciado e que o Poder Judiciário bem interprete a lei e a aplique!!! É o mínimo e máximo que esperamos”, diz nota.

A prisão preventiva do estudante foi decretada pelo juiz da Central de Inquéritos de Teresina, Valdemar Lima, na última quinta-feira (07).

Confira a nota do advogado na íntegra:

Finalmente, Marcos Vitor teve sua prisão preventiva decretada. Logo no dia de hoje, dia das crianças, temos uma vitória dessas que marca justamente a busca pela JUSTIÇA às vítimas tão pequenas e indefesas. Que a prisão se efetive e que o inquérito seja tão logo concluído, que o Ministério Público denuncie o indiciado e que o Poder Judiciário bem interprete a lei e a aplique!!! É o mínimo e máximo que esperamos. É o que a família busca como forma de aplicação da justiça. Como forma dessas mães tornarem-se às suas crianças e dizerem que tudo que elas relataram e tudo que movimentaram pra tal feito NÃO FOI EM VÃO. Além disso, essas mães, que arduamente lutaram para que o Marcos Vitor fosse imediatamente preso, buscam proteger outras crianças que eventualmente poderiam ser vítimas desse ser desumano! É justiça que reverbera para todos!!! É uma vitória social!

Rodrigo Araújo.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web