Geral

Piauí participa da XIII Feira Nacional de Negócios e Artesanato

Serão mais de 5 mil expositores e investimento de R$ 4 milhões, a estimativa é movimentar R$ 36 milhões em negócios.
    09/07/2012 09h30

    Imagem: ReproduçãoClique para ampliarArtesanato piauiense(Imagem:Reprodução)Artesanato piauiense
      O Programa de Desenvolvimento do Artesanato Piauiense (Prodart) está com estande para exposição e comercialização de produtos de artesãos do Estado em uma das maiores feiras do país. A XIII Feira Nacional de Negócios do Artesanato (Fenearte) teve início nessa sexta-feira (6) e prossegue até o dia 15, no Centro de Convenções de Pernambuco.

    “Estamos levando muitos produtos, pois se trata de uma das maiores feiras do ano. Esse ano queremos dobrar a comercialização durante o evento, em comparação com o ano passado. Tudo isso com apoio do Governo do Estado. Vamos levar artesãos, técnicos e produtos”, disse a diretora do Prodart, Francisca Lemos.

    Serão mais de 5 mil expositores e investimento de R$ 4 milhões, a estimativa é movimentar R$ 36 milhões em negócios. O público esperado é de 295 mil pessoas durante os dez dias. Haverá ainda a Rodada de Negócios promovida pelo Sebrae nos dias 07, 08 e 09 de julho, das 14h às 21h, no mezanino do Centro de Convenções. A rodada dever resultar em 360 encontros entre empresários e artesãos. A estimativa é gerar aproximadamente R$ 3,7 milhões nas negociações.

    Este ano a Fenearte está com uma área de 29 mil m² dividida em mais de 800 espaços. Artesãos de toda parte do Brasil e de mais 40 países marcam presença nesta edição histórica que reverencia o centenário de Luiz Gonzaga. Ocupando uma área de 120 m², o local receberá painéis iconográficos, TVs reproduzindo shows e documentários sobre a sua vida e obra, além de uma réplica em tamanho natural do Rei do Baião.

    A Fenearte é uma ação que faz parte do Programa do Artesanato de Pernambuco – PAPE e tem como objetivo valorizar e difundir nossa riqueza cultural, além de estimular o potencial de crescimento dos nossos artesãos e artesãs.

    Mais na Web