Coronavírus no Piauí

Piauí registra 90.061 casos e 2.025 mortes pelo coronavírus

Segundo a Sesapi, dos 618 casos confirmados da doença, 335 são mulheres e 283 homens, com idades que variam de três meses a 97 anos.
18/09/2020 19h45 - atualizado

Nas últimas 24 horas foram registrados, no Piauí, 618 casos confirmados e 13 óbitos pelo novo coronavírus, segundo os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde, na noite desta  sexta-feira (18).

Segundo a Sesapi, dos 618 casos confirmados da doença, 335 são mulheres e 283 homens, com idades que variam de três meses a 97 anos.

Quarto mulheres e nove homens foram vítimas da Covid-19. Elas eram de Passagem Franca do Piauí (63 anos), Piripiri (49 anos) e Teresina (80 e 86 anos). Os do sexo masculino eram das cidades de Assunção do Piauí (73 anos), Floriano (69 anos), Flores do Piauí (80 anos), Itainópolis (50 anos), Murici dos Portelas (62 anos), Piracuruca (74 anos), Regeneração (56 anos) e Teresina (43 e 66 anos).

As 224 cidades piauienses foram atingidas pela pandemia. Os casos confirmados no estado somam 90.061 casos. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 2025 e foram registrados em 170 municípios. Até agora, morreram 1.165 homens e 860 mulheres. 

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há 544 ocupados, sendo 327 leitos clínicos, 214 UTIs e 3 leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 4.229 até o dia 18 de setembro.

A Sesapi estima que 87.492 pessoas já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento (casos registradas nos últimos 14 dias) que não necessitaram de internação ou evoluíram para morte.

Wellington anuncia reforço de barreiras sanitárias

O Governo do Piauí informou que governador Wellington Dias anunciou, nessa quinta-feira (17), o reforço das barreiras sanitárias limítrofes instaladas nas divisas dos demais estados que fazem fronteira com o Piauí. O objetivo é manter sob controle os índices de infecção pelo novo coronavírus no estado, uma vez que estados vizinhos, como o Ceará e Pernambuco vivenciam um aumento no número de casos da doença.

O governador também lamentou a marca de mais de duas mil vidas piauienses perdidas para a Covid-19. “Cada vida humana é uma perda muito grande para a família, para os amigos e para o Piauí”, lamentou o Wellington.

Mais na Web