Polícia

PM prende suspeito de matar empresário na zona Sudeste de Teresina

Segundo o 9º Batalhão da Polícia Militar, o homem foi preso enquanto tentava assaltar uma loja localizada na Avenida Duque de Caxias, no bairro Risoleta Neves.
14/12/2020 15h25 - atualizado

Um dos acusados de participar da morte do empresário Paulo Wellington Alvarenga Júnior, mais conhecido como "Louro", em setembro de 2019 no bairro Alto da Ressurreição, foi preso pela Polícia Militar (PM) nesse domingo (13) ao tentar assaltar uma loja na Avenida Duque de Caixas, região da zona Norte de Teresina.

De acordo com o 9º Batalhão da Polícia Militar (BPM), o suspeito foi identificado como José Henrique Silva, acusado de participar do latrocínio, roubo seguido de morte, do empresário “Louro” na zona Sudeste da capital.

  • Foto: DivulgaçãoPM prede suspeito de matar empresário na zona Sudeste de TeresinaJosé Henrique da Silva, suspeito de participar da morte do empresário "Louro"

Conforme o 9º BPM, o homem foi preso por volta das 11h30 no bairro Risoleta Neves. Ao ser realizada a prisão, o suspeito se apresentou como Luís Felipe da Silva, mas em seguidas em policiais constataram que se tratava de uma identidade falsa, identificando José Henrique como acusado de participar do crime que resultou na morte do empresário no Alto da Ressurreição.

Ainda segundo a Polícia Militar, o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) já havia prendido o segundo suspeito da morte do empresário. O homem identificado como Gleison Silva Lima foi preso em novembro de 2019 e conduzido para a Cadeira Pública de Altos.  

Entenda o caso

No dia 24 de setembro de 2019 o empresário Paulo Wellington Alvarenga Júnior, mais conhecido como "Louro", foi morto a tiros após dois homens tentaram assaltarem o estabelecimento dele, uma venda de frango, na Avenida Mirtes Melão, no bairro Alto da Ressurreição.

Ao ser baleado pelos criminosos, o empresário chegou a ser socorrido, mas devido aos ferimentos não resistiu.  

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web