Política

Prefeita Lúcia Moura é investigada por crimes de responsabilidade

O procurador da República Antônio Cavalcante de Oliveira, em atuação da Procuradoria Regional de Floriano, foi quem determinou a investigação, no dia 14 de dezembro.
  • RAYANE TRAJANO
25/12/2017 12h36 - atualizado

A prefeita de Colônia do Piauí, Lúcia de Fátima Barroso Moura de Abreu Sá, está sendo alvo de um inquérito civil no Ministério Público Federal (MPF). O procurador da República Antônio Cavalcante de Oliveira, em atuação da Procuradoria Regional de Floriano foi quem determinou a investigação, no dia 14 de dezembro.

O procedimento no MPF está baseado no inquérito civil da Polícia Federal que trata sobre crimes de responsabilidade supostamente cometidos pela prefeita Lúcia de Fátima.

  • Foto: AscomPrefeita Lúcia MouraPrefeita Lúcia Moura

Foram encontrados indícios de apropriação de verbas provenientes do Convênio nº 0903/2006, celebrado entre a Funasa e a Prefeitura de Colônia do Piauí para implantação de sistema simplificado de abastecimento de água, no valor de R$ 206.000,00 (duzentos e seis mil reais) durante a gestão da prefeita.

O inquérito está vinculado à 5ª Câmara de Coordenação e Revisão, dedicada ao combate à corrupção.

Outro lado

O Viagora não conseguiu localizar a prefeita para comentar o caso. O espaço está aberto para esclarecimentos. 

Mais na Web