Piauí

Prefeito Firmino Filho inaugura Procon Municipal nesta sexta-feira

De acordo com a Coordenadora Geral do Procon Municipal, Nara Cronemberger, inicialmente o órgão poderá atender entre 30 e 40 pessoas por dia, mesma média apresentada pelo Procon Estadual.
14/03/2019 06h55 - atualizado

Nesta sexta-feira (15), Dia Mundial do Consumidor, o prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), irá inaugurar o Procon Municipal, em evento marcado para ocorrer às 12h. O órgão funcionará na Avenida João XXIII, próximo ao balão do São Cristóvão, zona Leste da capital.

De acordo com a Coordenadora Geral do Procon Municipal, Nara Cronemberger, inicialmente o órgão poderá atender entre 30 e 40 pessoas por dia, mesma média apresentada pelo Procon Estadual.  “Essa é a mesma média do Procon Estadual que geralmente recebe demandas individuais. Com a inauguração do Procon Municipal esse trabalho vai ser repassado para o novo órgão, a fim de descentralizar os trabalhos. Isso é fruto de uma política pública nacional traçada pelo Sistema Nacional de Defesa do Consumidor”, explica a coordenadora.

Para o secretário da Semdec, Venâncio Cardoso, o novo órgão será um ambiente ainda mais célere na resolutividade dos casos relacionados ao consumidor. “As pessoas querem mais rapidez para resolver seus problemas. Com a criação do Procon Municipal e descentralização dos trabalhos a rapidez na resolutividade dos casos pode ser cada vez maior, o que realmente é muito positivo para a população”, pontua o secretário.

No fim do mês passado, o prefeito Firmino Filho assinou acordo de cooperação técnica com o Ministério Público do Piauí (MP-PI), com isso, o Procon Estadual passou a cooperar com a estruturação física e capacitação dos colaboradores que irão trabalhar no PROCON Municipal.

O novo Procon ficará vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), tendo atuação conjunta com o Procon Estadual, a fim de que haja uma integração do município ao Sistema Nacional de Defesa do Consumidor. O órgão englobará também o Conselho Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Condecon) e o Fundo Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (FMDC).

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web