Geral

Prefeito morre e é o 1º a ocupar cemitério feito na própria gestão

A obra de ampliação do cemitério era uma reivindicação da população, já que a parte antiga tem mais de 50 anos e não comportava mais túmulos.
  • DA REDAÇÃO
22/01/2020 14h40 - atualizado

O corpo do prefeito José Pedro Pires da Rocha (PSB), mais conhecido como Zé Galego, de Bonito de Minas, município no interior de MG, foi o primeiro a ser sepultado na nova área do cemitério municipal, obra construída na gestão dele.

José Pedro da Rocha tinha 64 anos e morreu enquanto voltava de Brasília (DF) na última sexta-feira (17). Ele esteve no DF para assinar documentos para doação de máquinas destinados ao município, de aproximadamente 11 mil habitantes, quando passou mal e sofreu um infarto.

  • Foto: Arquivo pessoalO prefeito José Pedro Pires da Rocha foi o 1º a ser sepultado no cemitério construído na gestão deleO prefeito José Pedro Pires da Rocha foi o 1º a ser sepultado no cemitério construído na gestão dele

De acordo com o vereador Miqueias Figueiredo (PTB), a obra de ampliação era uma reivindicação da população e dos vereadores, já que a parte antiga do cemitério, tem mais de 50 anos, não comportava mais túmulos.

A obra de ampliação do cemitério começou por volta de outubro de 2019 e ainda não tem data para terminar. A Prefeitura precisa construir uma capela e fazer adequações à infraestrutura, como instalação de banheiros e interligação à rede de água e esgoto.

Mais na Web