Piauí

Prefeito Zé Raimundo é investigado por contratar empresa de assessora

O promotor Vando Marques instaurou um Inquérito Civil para apurar ato de improbidade referente à contratação de empresa de propriedade de secretária pela Prefeitura de Oeiras.
05/04/2021 14h02 - atualizado

O Ministério Público do Estado do Piauí, por meio do promotor de Justiça Vando da Silva Marques, instaurou um Inquérito Civil para apurar supostos atos de improbidade administrativa praticados pelo prefeito de Oeiras, Zé Raimundo, pelo secretário de Fazenda, Luiz Ronaldo de Abreu Sá, e pela empresária Carla Vitória da Silva Leal.

De acordo com a Portaria nº 48/2021, publicada no Diário Oficial do MP, anteriormente foi instaurado o Procedimento Preparatório nº 37/2020 para investigar supostos atos de improbidade administrativa relativos à contratação da empresa individual de titularidade de Carla Vitória da Silva Leal pela Prefeitura de Oeiras, para a prestação de serviços no período de julho de 2017 a maio de 2018, a despeito da empresária, no mesmo período, constar como ocupante do cargo comissionado de secretária-I, com lotação no gabinete do prefeito Zé Raimundo.

  • Foto: Divulgação/AscomPrefeito reeleito Zé Raimundo é diplomado pela Justiça EleitoralZé Raimundo, prefeito de Oeiras.

O órgão ministerial mencionou que, ante a materialização do ato supostamente ilícito perpetrado pelo Poder Público, havendo a necessidade de prorrogação das investigações para a coleta de informações, documentos, perícias, dentre outras provas, e ante o iminente vencimento do prazo de 90 dias para conclusão do Procedimento Preparatório, era necessária a instauração de Inquérito Civil.

Diante dos fatos, o promotor Vando da Silva Marques determinou a conversão do Procedimento Preparatório em Inquérito Civil, no intuito de investigar supostos atos de improbidade administrativa praticados pelo prefeito de Oeiras, Zé Raimundo, pelo secretário de Fazenda, Luiz Ronaldo de Abreu Sá, e pela empresária Carla Vitória da Silva Leal.

O promotor requisitou ainda que a Prefeitura Municipal de Oeiras encaminhe à 2ª Promotoria de Justiça, no prazo de 10 dias, cópia integral do procedimento administrativo relativo ao Pregão nº 007/2017, cujo objeto refere-se à contratação de serviços de frete para manutenção de poços tubulares no município de Oeiras.

Outro lado

O Viagora entrou em contato com o prefeito Zé Raimundo para falar sobre o assunto, porém, o prefeito não se pronunciou.

Mais na Web