Polícia

PRF prende empresária e homem foragido da justiça em Campo Maior

De acordo com a polícia, um veículo foi abordado, onde o condutor possuía um mandado de prisão por homicídio, e a passageira estava na posse de uma arma de fogo e munições ilegalmente.
03/01/2021 12h35 - atualizado

Uma empresária foi presa por porte ilegal de armas, juntamente com um homem acusado de Homicídio, na cidade de Campo Maior, na noite desse sábado (02).

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a ação correu na BR 343, quando policiais receberam informações de populares que um veículo estava realizando manobras perigosas.

Durante a abordagem, a polícia detectou que o condutor possuía em seu desfavor um mandado de prisão temporária em aberto expedido em 05/02/2020 pelo Tribunal de Justiça do Estado do Pará, pelo crime de Homicídio. O homem, que é natural do Rio Grande do Sul, informou que a acusação é injusta e que não cometeu o delito.

Além disso, os policiais encontraram no interior do veículo uma pistola cal. 380 com dois carregadores e 27 munições intactas, na posse de uma passageira. A mulher que é empresária e é natural do estado do Tocantins, também era a proprietária do veículo.

  • Foto: PRFMaterial apreendido pela PRF.Material apreendido pela PRF.

Diante da situação, a PRF encaminhou o homem, a mulher, a arma e as munições até à Polícia Civil na cidade de Campo Maior, para os procedimentos cabíveis e cumprimento do mandado. A mulher responderá pelo crime de Porte Ilegal de Arma de Fogo e Munições e o homem está à disposição da Justiça Paraense.

Mais na Web