Geral

Projeto Cidadania Ativa atende jovens no CEM nesta terça e quarta

Projeto Cidadania Ativa atende no CEM.
    15/08/2012 08h52

    O Projeto Cidadania Ativa da Secretaria de Assistência Social e Cidadania (Sasc) atende, nesta terça e quarta (14 e 15), os adolescentes que estão sob medidas sócio-educativas no Centro de Educação Masculino (CEM). Entre os serviços ofertados estão corte de cabelo, expedição da carteira de trabalho e fotografias, alistamento militar.

    Para Herberth Neves, coordenador geral do Centro de Educação Masculino, essa é uma maneira positiva de se melhorar a autoestima dos jovens. “Vejo de uma forma bastante positiva a vinda do Cidadania Ativa até nós. Observo nesse momento um exercício da cidadania para esses jovens que se encontram sem a liberdade e sonham com a sua reinserção na sociedade e também a chance de ter seu primeiro emprego. Para muitos deles, a expedição da carteira de trabalho é algo tão valoroso que está fazendo deste dia um momento ímpar, pois estamos com isso valorizando não só o adolescente, mas tornando-os cidadãos de fato”, observa.

    Socorro Macedo, supervisora do Cidadania Ativa, também avalia de forma positiva a ida do projeto ao CEM. “Estamos aqui trazendo nossos serviços juntamente com o SINE e a junta militar para darmos a esses jovens uma melhor perspectiva de horizonte. Saiba que muita dessa documentação expedida hoje aqui é algo novo para esses jovens, pois muitos deles não tinham acesso a esses serviços”, pontua.

    R.G.C, 17 anos, que cumpre medida sócio-educativa tem esperança de trabalhar em breve. “Quando sair daqui, quero trabalhar. Já trabalhei, mas era uma coisa avulsa e nada sério. Com a carteira de trabalho que tirei agora, quero arrumar um emprego logo. Quero mudar minha vida, se Deus quiser!", finaliza.

    O Centro de Educação Masculino (CEM), localizado no bairro Itaperu, Zona Norte de Teresina conta atualmente com 50 adolescentes que cumprem medida sócio-educativa.

    Mais na Web