Piauí

Promotora abre inquérito para investigar prefeita Neidinha

O inquérito foi instaurado para averiguar a existência de possíveis atos de improbidade administrativa e outras irregularidades, praticadas por agentes públicos em Guadalupe do Piauí.
23/08/2019 15h00 - atualizado

O Ministério Público do Piauí através da promotora Ana Sobreira Botelho, instaurou inquérito civil em face da prefeita Neidinha e vice-prefeito Edivan Miranda de Guadalupe do Piauí para averiguar a existência de possíveis atos de improbidade administrativa e outras irregularidades, praticadas por agentes públicos.

De acordo com a Portaria nº 33/2019, o MPPI considerou o teor da representação formulada pelo Vereador Odair Pereira Holanda, através do ofício nº. 02/2019, acompanhada de material de divulgação do aniversário da cidade com suposta violação ao princípio da impessoalidade, posto que traz em seu bojo foto da atual Prefeita e Vice-prefeito deste Município.

  • Foto: DivulgaçãoPrefeita Neidinha.Prefeita Neidinha.

“Notifique-se a Prefeita Municipal e o Vice-Prefeito de Guadalupe para, querendo, se manifesteram no prazo de 15 (quinze) dias, apresentando informações e documentos que entenderem pertinentes”, determinou a representante do Ministério Público.

Outro lado

O Viagora procurou a prefeita para falar sobre o assunto, mas até o fechamento da matéria a gestora não foi localizada. O espaço está aberto para esclarecimentos.

Mais na Web