Piauí

Promotora investiga contrato do prefeito de Vila Nova do Piauí

A promotora Tallita Bezerra instaurou um procedimento para apurar um contrato firmado pelo prefeito de Vila Nova do Piauí com a empresa DL Consultoria e Serviços.
08/07/2021 16h00

Após reportagem publicada pelo Viagora, a promotora Tallita Luzia Bezerra Araújo, titular da Promotoria de Justiça de Padre Marcos, instaurou um procedimento para investigar um contrato firmado pelo prefeito de Vila Nova do Piauí, Edilson Brito, no valor de R$ 314.796,00 (trezentos e quatorze mil e setecentos e noventa e seis reais).

O contrato foi firmado com a empresa DL Consultoria e Serviços e tem por objeto a prestação de serviço especializado na realização de campanhas de conscientização e prevenção à Covid-19. A empresa, conforme consta no CNPJ, tem sede na cidade de Paulistana, no endereço Rua Coronel Elpídio, nº 427, edifício Raimundo Francisco. No entanto, a reportagem apurou que na Rua Coronel Elpídio não existe o edifício em questão e nem o número 427.

  • Foto: GP1Prefeito Edilson BritoEdilson Brito (PSD), prefeito de Vila Nova do Piauí.

Procurada pela reportagem, a PJ de Padre Marcos, por meio da assessoria da promotoria, informou que foi instaurada Notícia de Fato para apurar o caso e que foi enviado ofício ao prefeito Edilson Brito para solicitar esclarecimentos.

Mais na Web