Política

"Quem está faltando com a verdade é ele", diz Dudu sobre Assis

O vereador petista rebateu a declaração do deputado Assis Carvalho de que Dudu estaria "mentindo e querendo aparecer na mídia".
20/07/2019 06h50 - atualizado

O vereador Dudu, candidato à presidência do Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores (PT), falou durante entrevista ao Viagora  sobre a campanha, apoio e articulações para a disputa interna do partido. A eleição acontece no dia 8 de setembro.

“O PT é o único partido que elege a sua direção por voto direto dos filiados, sou candidato a presidência estadual e tenho dito sempre que estou fazendo uma campanha em nível do debate interno e quero fazer esse debate e diálogos para nós escutarmos esses filiados, militantes, queremos nos preparar para esse desafio em 2020, onde nós não teremos mais aliança proporcional e isso vai causar uma dificuldade muito grande nos municípios, em todos os partidos. Tem que ter adesões para que possamos ter um conjunto de pré-candidatos a vereadores a altura do legado no Brasil e Piauí então nós vamos estar construindo nossa campanha dessa forma”, disse o vereador.

  • Foto: Hélio Alef/ViagoraDudu (PT).Dudu (PT).

Sobre o apoio na campanha, o petista relata que tem recebido ajuda de companheiros, mas que vai conquistar voto a voto.  “ Tenho recebido apoio, temos o deputado Magalhaes que esta somando conosco, o vereador Deolindo, mas independentemente de ter esse apoio no PT nós não temos voto de patente, o voto do governador Wellington Dias, por exemplo é igual ao voto de qualquer filiado. ”

Quanto a atração de outras correntes do PT, Dudu explicou. “Olha conversamos com o setor da articulação da esquerda, setor independente, existe uma outra conversa com outras correntes da militância socialista que quer dialogar conosco, e vamos atrás também do mais importante que é dos filiados. Nós não vamos estar nessa eleição tolerando arrogância, imposição o PT é um partido plural. Nós temos hoje em Teresina por exemplo, cerca de 12 mil filiados, nos filiamos aqui um dia dessas 2.500 pessoas na capital, então é isso que faz o PT ser esse grande partido, sempre vivendo o que prega”, afirmou.

Sobre um possível apoio da deputada federal e primeira dama Rejane Dias, o petista ponderou e disse que também terá de pedir voto a parlamentar. “Eu coordenei a campanha dela aqui em Teresina, é uma amiga que eu tenho e é a deputada mais votada no estado, estou pedindo o voto dela, tem base dela que vai votar em mim, em outros candidatos. Até o dia 8 de setembro eu estarei pedindo o voto dela”, afirmou.

Relação com Assis Carvalho

Questionado como está a relação com oponente Assis Carvalho e se ele estaria atrapalhando a sua campanha, Dudu foi enfático: “Olha eu não diria atrapalhar, mas eu tenho dito, agora mesmo tentaram fazer uma recusa a novos filiados por uma bobagem burocrática, foi inadmissível, a executiva municipal ratificou, está lá.  Eu não creio que tenha alguém com coragem de entrar com recurso, mas nós não vamos admitir, queremos um pleito tranquilo”.

  • Foto: Divulgação/FacebookAssis Carvalho.Assis Carvalho.

Já sobre a declaração do deputado federal a imprensa de que “Dudu estaria mentindo e querendo aparecer na mídia”, o vereador petista rebateu: “ Se ele disse isso quem está faltando com a verdade é ele, eu mostro a ata para ele, ás vezes de tanta a pessoa viver da mentira acha que os outros tem o mesmo nível dele, que não é o meu caso”.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web