Piauí

Reunião discute regras nos abrigos dos venezuelanos em Teresina

Representantes da Semcaspi estiveram no abrigo para dialogar com os venezuelanos e explicar as novas regras.
  • DA REDAÇÃO
11/07/2019 06h30 - atualizado

Na manhã dessa terça-feira (09), representantes da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (SEMCASPI) estiveram em reunião com demais órgãos para discutir aplicação de regras nos abrigos dos venezuelanos refugiados em Teresina.

As nova regras aplicadas respeitam a cultura dos migrantes, sobretudo deverão ser cumpridas mantendo um diálogo diário, de acordo com a chefe da Divisão de Média Complexidade da Semcaspi, Layla Paiva. “A coordenação do abrigo está construindo uma rotina para eles, onde diariamente terão momentos de conversas com explicação sobre as regras institucionais, reforçando, por exemplo, que não será permitida entrada de venezuelanos alcoolizados e nem a entrada de bebida alcoólica no abrigo e que não podem sair com as crianças”, declarou.

  • Foto: Divulgação/AscomRepresentantes da Semcaspi estiveram no abrigo para dialogar com os venezuelanos.Migrantes venezuelanos.

Representantes da Semcaspi estiveram no abrigo para dialogar com os venezuelanos e explicar as novas regras, repassando o posicionamento do município. “Estivemos lá para informá-los que essas orientações serão repassadas diariamente para eles. Nossa intenção é manter as ações educativas dentro do abrigo e nas ruas, para que eles consigam se adaptar a essa nova realidade”, explicou o gerente de Proteção Social Especial da Semcaspi, Daguimar Barbosa.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web