Geral

Rússia diz que terá aprovação de vacina contra Covid-19 em agosto

O diretor do projeto já teria injetado uma dose em si mesmo e as autoridades russas esperam produzir até 200 milhões de doses da vacina
29/07/2020 07h35

Na Rússia, até o próximo dia 10 de agosto, em duas semanas, uma vacina contra o coronavírus deve ser aprovada, segundo fontes de Moscou, capital russa, informaram à emissora CNN.

Alexandre Ginsburg, diretor do projeto da imunização, já teria injetado uma dose em si mesmo. Outros cientistas também estariam se voluntariando para o teste.

Criada pelo Instituto Gameleya, localizado em Moscou, as autoridades russas esperam produzir até 200 milhões de doses da vacina até o fim de 2020. Deste montante, 30 milhões seriam destinadas exclusivamente à Rússia, conforme a CNN Brasil. Dados sobre a segurança e a eficácia, porém, não foram divulgados ainda.

Kirill Dmitriev, diretor de um fundo soberano russo que financia a pesquisa da vacina, afirmou ao correspondente da CNN Internacional, Matthew Chance, que "esse é um momento Sputnik". 

O projeto está na segunda das três fases de testes clínicos. A atual etapa deve ser concluída em 3 de agosto e a última deve ser conduzida junto com a vacinação de profissionais de saúde.

Com informações do O Povo.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web