Geral

Sérgio Moro contará com segurança reforçada da Polícia Federal

Decisão é do presidente Jair Bolsonaro e foi publicada no Diário Oficial da União nesta terça-feira (08).
09/01/2019 15h20 - atualizado

Em decisão publicada em edição extra do Diário Oficial da União nessa terça-feira (08), o presidente Jair Bolsonaro determinou que a Polícia Federal reforce a segurança do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, e de seus familiares.

De acordo com o texto do despacho presidencial, Bolsonaro decreta que “diante de informações sobre situações de risco decorrentes do exercício do cargo de titular do Ministério da Justiça e Segurança Pública, determino à Polícia Federal providências no sentido de garantir, diretamente ou por meio de articulação com os órgãos de segurança pública dos entes federativos, a segurança pessoal do ministro de Estado da Justiça e Segurança Pública e de seus familiares”.

Na época que era juiz do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) em Curitiba e comandava as ações da Operação Lava Jato, Sérgio Moro passou a contar com segurança de policiais federais depois de sofrer ameaças por meio de mídias sociais.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web