Piauí

Sindilojas quer solução sobre paralisação do transporte público

De acordo com Tertulino Passos, com as paralisações do transporte público usuários e trabalhadores do setor ficam impossibilitados de se locomover na cidade.
21/05/2021 16h05 - atualizado

Com as constantes paralisações no transporte público de Teresina desde o início da pandemia, e a flexibilização do horário de funcionamento do comércio, o Sindicato dos Lojistas do Comércio do Estado do Piauí (Sindilojas) solicita uma solução para o problema no transporte, que segundo eles, tem gerado dificuldades.

Segundo o presidente do Sindilojas, Tertulino Passos, neste momento em que o comércio volta a funcionar normalmente com a flexibilização dos horários, grande parte da população de Teresina, incluindo os lojistas, necessitam do transporte público para se locomoverem na cidade. Ele destaca ainda que os problemas no transporte público prejudicam todos os usuários, por isso a categoria cobra aos órgãos competentes uma solução.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Presidente do Sindilojas-PI, Tertulino PassosPresidente do Sindilojas-PI, Tertulino Passos

“Os trabalhadores do comércio estão tendo dificuldade para se deslocar e, sem ônibus, as demais pessoas não podem se deslocar para realizar compras em todo o comércio de Teresina”, comenta o presidente do Sindilojas.

De acordo com o Sindilojas, a o setor do comércio é responsável por movimentar boa a economia da capital, e que as paralisações no transporte público tende a provar dificuldades no funcionamento da categoria e outras áreas.

Mais na Web