Piauí

Strans intensifica fiscalização na cidade de Teresina

Segundo a Strans, uma usuária do transporte público denunciou que os coletivos não estariam parando na praça do Morada do Sol devido a uma obstrução causada pelos comerciantes no local.
14/06/2021 14h02 - atualizado

A Prefeitura de Teresina, por meio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), informou que tem intensificando as ações de fiscalização nos diversos bairros da cidade.

De acordo com a Strans, uma das denúncias foi de uma usuária do transporte público que relatou que os coletivos não estariam parando no ponto de ônibus da praça do bairro Morada do Sol, na zona Leste da cidade, devido a uma obstrução causada pelos comerciantes no local.

  • Foto: Divulgação/Prefeitura de TeresinaStrans intensifica fiscalização e atendimento a denúncias em TeresinaStrans intensifica fiscalização e atendimento a denúncias em Teresina

Conforme o gerente de Fiscalização e Controle de Transporte Público da Strans, Deryck Ferreira, comenta que esteve com a equipe no local indicado e que foi constatado irregularidades. Os comerciantes estavam ocupando a parada de ônibus, obstruindo a passagem de pedestres e do cadeirante e causando uma alta taxa de trânsito por conta do comércio no local.

“Nossa equipe esteve no local e averiguamos a situação dos vendedores e identificamos que eles estavam ocupando a parada de ônibus, um local que já tinha sido feito um recorte dentro da praça justamente por conta da movimentação no local para que os ônibus parassem, identificamos que também estavam obstruindo a passagem de pedestres e obstruindo a passagem do cadeirante que desembarcavam no presente local, conversamos com as duas pessoas responsáveis pelas bancas, explicamos a situação”, explica o gerente.

A Gerência de Fiscalização e Controle de Transporte Público da Strans constatou as irregularidades no local e já foram encaminhadas ao órgão para que sejam tomadas as providências. As denúncias podem ser feitas por meio de ligação para a Ouvidoria da Strans através do número 0800-086-3122.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web