Política

Suplentes Silas Freire e Maia Filho se filiam ao PL

O evento de filiação aconteceu na manhã desta terça-feira (22), em uma sala na Assembleia Legislativa.
22/06/2021 16h45

Na manhã desta terça-feira (22), o Partido Liberal (PL) recebeu várias filiações durante um evento na sala de liderança do partido na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi).

Ingressaram ao PL os suplentes de deputado federal Silas Freire e Maia Filho, além do ex-prefeito de Madeiro, Zé Neto e o ex-candidato a vice-prefeito de Picos, Gutenberg Rocha.

Segundo Silas Freire, sua saída do PL foi comportamental por uma votação desfavorável ao governo Temer, quando estava na Câmara dos deputados, o que ocasionou em seu afastamento, agora seu retorno vem com a liberdade de discutir votações.

Silas garantiu ainda que não tem nenhum compromisso com o Governo do Estado, mas que procurará se alinhar junto com o PL para discutir propostas.

Para o deputado federal Fábio Abreu, a relação com os novos filiados será harmoniosa e que todos terão as mesmas condições para a disputa eleitoral. 

“Será uma relação partidária, sem problema nenhum, lógico que nós temos um objetivo comum que é trabalhar pelo povo, lógico também que será cada um trabalhando a sua pré-candidatura dentro de um partido que vai dar condições iguais para todos. Nosso objetivo é que haja essa proporção para que todos os candidatos possam concorrer dentro do nosso partido com objetivo de aumentar a bancada que nós temos, seja estadual ou federal”, afirmou.

De acordo com Fábio Abreu, o PL já tem três nomes para deputados estaduais e o objetivo é lutar por uma vaga federal e aumentar a bancada estadual. O deputado disse ainda que o partido irá se confirmar como umas das grandes siglas no estado.

“O nosso PL já tem o deputado federal, tem três deputados estaduais, os nomes que estão vindo são nomes de peso, nomes que vão compor a nossa chapa e sem dúvida nenhuma o PL é um dos partidos que vai se confirmar como um dos grandes partidos no estado do Piauí a nível estadual e federal. O nosso objetivo é lutar por mais, quem sabe uma vaga federal e aumentar a bancada que nós já temos três estaduais e com a possibilidade pra 4ª vaga e quem sabe uma 5ª”, disse.

Mais na Web