Polícia

Suspeitos de latrocínio morrem em troca de tiros com a polícia em Floriano

Segundo a polícia, os suspeitos realizaram uma festa na casa da vítima do latrocínio que foi morta com um tiro na cabeça ao tentar reagir.
05/10/2020 10h54 - atualizado

Dois homens foram mortos em um confronto com policiais civis e militares durante uma operação em Floriano, no bairro Nossa Senhora da Guia, na manhã desta segunda-feira (5). A ação policial está relacionada à um latrocínio que ocorreu durante este fim de semana.

De acordo com a polícia, os suspeitos realizaram uma festa na casa da vítima do latrocínio, que, no dia anterior, foi morta com um tiro na cabeça ao tentar reagir. A celebração era para comemorar os objetos e o dinheiro roubados. Ao chegar ao local para cumprir os mandados de prisão, os policiais foram recebidos à tiros pelos suspeitos.

  • Foto: Divulgação/Polícia CivilSuspeitos de latrocínio morrem em confronto com a políciaSuspeitos de latrocínio morrem em confronto com a polícia

Segundo informações, durante o confronto dois dos homens, identificados como “Iago e Francisquinho”, foram mortos e outros quatro acusados foram presos. Na casa foram apreendidos seis armas de fogo, além de cordões, celulares e um relógio, supostamente, de vítimas. 

O delegado regional, Bruno Ursulino, informou ainda que dois dos suspeitos tinham mandados em aberto e outros dois eram investigados pelo crime de latrocínio, Iago, que foi morto no confronto, era suspeito de outro homicídio. Os quatro homens que foram presos vão responder por associação criminosa e posse ilegal de arma de fogo, e será verificado se os objetos em posse deles não seriam provenientes de roubo.

A polícia suspeita que os suspeitos seriam integrantes de uma organização criminosa que atua na prática de assaltos e tráfico de drogas em Floriano.

Mais na Web