Polícia

Tenente da Polícia Militar morre vítima de câncer em Teresina

A Polícia Militar do Piauí emitiu uma nota de pesar na manhã desta sexta-feira (4), lamentando o falecimento do 2º Tenente PM Edmilson Rodrigues da Silva Junior.
04/12/2020 11h57 - atualizado

O tenente da Polícia Militar do Piauí, Edmilson Rodrigues da Silva Júnior, faleceu aos 53 anos de idade vítima de complicações de uma leucemia na noite dessa quinta-feira (3). O PM estava internado em um hospital particular de Teresina, mas não resistiu.

O tenente entrou na corporação em 1989 e desde então tem atuado em favor da sociedade piauiense. Edmilson atualmente estava atuando no Centro de Educação Profissional (CEP). 

A Polícia Militar do Piauí emitiu uma nota de pesar na manhã desta sexta-feira (4), lamentando o falecimento do 2º Tenente PM Edmilson Rodrigues da Silva Junior e prestando solidariedade aos familiares e amigos do PM.

“O Comando Geral da PMPI e toda família policial militar prestam solidariedade aos familiares e amigos, assim como desejam que Deus conforte a todos diante de irreparável perda”.

O velório de Edmilson aconteceu na manhã de hoje (4) na Capela da Polícia Militar e o sepultamento será realizado às 14h no Cemitério São José, localizado na zona Norte da capital.

  • Foto: Divulgação/Polícia MilitarTenente Edmilson RodriguesTenente Edmilson Rodrigues

Confira a nota na íntegra

É com pesar que a Polícia Militar do Piauí informa o falecimento do 2º Tenente PM Edmilson Rodrigues da Silva Junior, ocorrido na noite de ontem (03), no Hospital Prontomed em Teresina-PI, onde estava internado tratando de uma leucemia, causa do óbito. O velório está ocorrendo na Capela Militar de São Sebastião e o sepultamento será às 14h no Cemitério São José. O Centro de Assistência Integral à Saúde da PMPI prestou apoio à família enlutada.

O 2º Tenente Silva Junior, 53 anos, ingressou na Corporação no ano de 1989, e desde então prestou relevantes serviços à sociedade piauiense, atualmente era lotado no Centro de Educação Profissional (CEP). 

O Comando Geral da PMPI e toda família policial militar prestam solidariedade aos familiares e amigos, assim como desejam que Deus conforte a todos diante de irreparável perda.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web