Política

Teresa Britto diz que projeto não proíbe uso de celular por pedestres

A vereadora esclarece más interpretações que foram difundidas por veículos de comunicação da capital sobre um projeto de sua autoria.
12/03/2018 17h16 - atualizado

A vereador de Teresina, Teresa Britto (PV), está esclarecendo más interpretações que foram difundidas por veículos de comunicação da capital sobre um projeto de sua autoria. Ela informa que o projeto de lei nº 345/2017 não proíbe uso de celular por pedestres ao atravessar vias de trânsito, não gera multa ou qualquer punição ao cidadão.

  • Foto: Divulgação/AscomA Verador Teresa BrittoVeradora Teresa Britto

Teresa Britto afirma que a proposta trata de “uma campanha educativa, de conscientização, que objetiva orientar o pedestre no sentido de evitar acidentes que podem ser causados por distrações enquanto se usa celular ou outro dispositivo eletrônico ao atravessar ruas e avenidas”.

“O trabalho de educação e de conscientização para um comportamento seguro no trânsito é decisivo para reduzir a violência e ampliar a harmonia e a qualidade de vida das pessoas”, argumenta a vereadora.

De acordo com a justificativa do projeto, o programa deverá ser realizado em parceria com os diversos setores da sociedade, como secretarias, autarquias, escolas, universidades, empresas e organizações não governamentais promovendo a qualificação nos deslocamentos de pedestres, passageiros, motoristas, motociclistas e ciclistas.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web