Política

Valter Alencar deixa presidência estadual do PSC e se desfilia do partido

De acordo com o PSC, Valter Alencar deixa a sigla para priorizar projetos profissionais e pessoais.
30/03/2021 07h45 - atualizado

Nessa segunda-feira (29), o Partido Social Cristão (PSC-PI) comunicou a desfiliação de Valter Alencar Rebêlo do partido.

O agora ex-presidente do diretório estadual do PSC-PI comunicou sua saída da direção na última quinta-feira (25).

  • Foto: ViagoraValter Alencar.Valter Alencar.

Conforme o PSC, Valter Alencar deixa a sigla para priorizar projetos profissionais e pessoais, dando sua contribuição ao Piauí por meio da iniciativa privada.

Em carta aberta Valter Alencar, que presidiu a sigla durante quatro anos, ressaltou que sua decisão se deve por acreditar em outros projetos políticos no estado.

O partido por meio de nota agradeceu os esforços de Valter: “O PSC agradece todo o inestimável esforço de Valter Alencar, que se dedicou para reestruturação do partido no Piauí”, diz trecho.

Nota do PSC-PI na íntegra

“Comunicamos que Valter Alencar deixa hoje (29/03) a presidência do diretório estadual do Partido Social Cristão (PSC-PI) e, simultaneamente, informa a sua desfiliação do partido.

Valter Alencar presidiu a sigla durante quatro anos, e obteve resultados expressivos nas eleições de 2018 e 2020. Por motivos pessoais, Valter Alencar deixará a sigla para priorizar projetos profissionais e pessoais, dando sua contribuição ao Piauí por meio da iniciativa privada.

O PSC agradece todo o inestimável esforço de Valter Alencar, que se dedicou para reestruturação do partido no Piauí”.

Carta aberta de Valter Alencar

  • Foto: DivulgaçãoCarta aberta.Carta aberta.

Mais na Web