Piauí

Vara Criminal de Teresina é primeira unidade do TJ-PI 100% digital

Segundo a unidade, para a realização da migração do acervo físico para o meio virtual, a equipe da CGJ está dividida em grupos de trabalho, que realizam atividades como triagem.
04/06/2021 13h30

A 1ª Vara Criminal da comarca de Teresina é primeira unidade criminal do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI) a contar com acervo processual 100% digital. Os trabalhos na unidade foram iniciados no dia 27 de abril.

 O Projeto de Digitalização da Corregedoria Geral da Justiça e a Coordenação da Distribuição do 1º grau da comarca de Teresina já está concluindo a distribuição dos quase 1600 processos digitalizados na unidade dentro do sistema Processo Judicial Eletrônico (PJe).

  • Foto: Divulgação/TJ-PI1ª Vara Criminal da comarca de Teresina1ª Vara Criminal da comarca de Teresina

Conforme o corregedor-geral da Justiça do Estado do Piauí, desembargador Fernando Lopes, a modernização do Judiciário piauiense está diretamente relacionada com o processo de digitalização dos processos físicos.

“Ter um Judiciário 100% é uma meta ousada, que consta no Plano de Gestão do TJ-PI, biênio 2021/2022, mas fundamental para que nosso Tribunal atenda à demanda atual dos jurisdicionados. Com a implantação do PJe Criminal, largamos na frente e já temos a primeira unidade desta seara com seu acervo migrado do Themis para o PJe”, avaliou.

Segundo a unidade, para a realização da migração do acervo físico para o meio virtual, a equipe da CGJ está dividida em grupos de trabalho, que realizam atividades como triagem, higienização e digitalização dos processos, validação, distribuição. Com a migração para o sistema PJe, é feito a devida intimação das partes, e encaminhamento para a tarefa correspondente.

A chefe da Distribuição de 1º Grau da comarca de Teresina, servidora Vanessa Martins Cardoso, considera excelente a experiência da 1ª Vara Criminal da Capital.

“Esse trabalho foi realizado em fase de treinamento, com todos os servidores no novo sistema Importa Web (Opala Lab), e está sendo concluído antes do programado. Apesar do novo método de trabalho, os resultados estão sendo excelentes e só foram possíveis com o empenho e dedicação de toda a equipe de servidores envolvida”, afirmou.

O magistrado titular da unidade, juiz Carlos Hamilton Bezerra, ressaltou que o PJe dará ainda mais agilidade à tramitação dos feitos na Vara, proporcionando maior celeridade aos trabalhos em Secretaria e Gabinete.

Mais na Web