Polícia

Vereador Luís André convida Gessy Fonseca e Pessoinha para o PSL

Segundo o vereador, o PSL está se preparando para as eleições de 2022 e a intenção é que Gessy e Pessoinha disputando uma cadeira na Câmara dos Deputados pelo partido.
10/03/2021 17h15

Na manhã desta quarta-feira, 10 de março, o vereador Luís André, presidente estadual do PSL no Piauí, comentou sobre as estratégias que o partido tem montado para as eleições gerais de 2022.

Luís André afirmou que fez uma visita de cortesia a Gessy Fonseca, secretária municipal de Economia Solidária, para tratar de emendas parlamentares suas encaminhadas à pasta, e que formalizou o convite de filiação.

“O partido está se preparando para as eleições de 2022 aqui no Piauí. A [executiva] nacional nos deliberou para que nós possamos montar uma chapa de deputados federais, e estamos convidando as pessoas que tiveram uma votação expressiva nas eleições de 2020 como a Gessy Fonseca. Vamos fazer uma articulação para quem sabe ela possa colocar seu nome para disputar uma vaga. Ela está avaliando o convite, e vamos esperar até o final do ano para ela tomar a decisão concreta”, declarou o parlamentar.

  • Foto: Luís Marcos/ViagoraVereador Luís André (PSL)Vereador Luís André (PSL).

Além de Gessy Fonseca, o vereador também formalizou o convite de filiação a João Pessoa, o Pessoinha, durante visita à Secretaria Municipal da Juventude, pasta comandada pelo filho do prefeito Dr. Pessoa.

“Nós também estivemos na Secretaria da Juventude e o convidamos para ser candidato a deputado federal. Ele está avaliando disse que ia conversar com o prefeito Dr. Pessoa. As conversas estão se alinhando, se aprofundando, mas no momento oportuno o partido vai ter 15 candidatos a deputado federal, para que possamos eleger pelo menos um deputado federal no Piauí”, completou.

Luís André comentou ainda sobre um possível retorno do presidente Jair Bolsonaro, atualmente sem partido, ao PSL. Para o parlamentar, Bolsonaro será bem vindo se quiser voltar.

“O presidente Jair Bolsonaro foi eleito pelo PSL. As decisões e as estratégias são formadas pela executiva nacional com o presidente Luciano Bivar. Vamos seguir as orientações da nacional, ele será bem-vindo se quiser voltar”, disse.

Mais na Web