Piauí

Vereadores acusam prefeito Dr. Macaxeira de fraudar licitação

Os vereadores Amparo Gil e Edivaldo Rodrigues, protocolaram um pedido de abertura de procedimento investigativo criminal em face da prefeitura de Redenção do Gurguéia.
10/12/2019 14h00 - atualizado

Na última sexta-feira (6) de dezembro de 2019, os vereadores Amparo Gil e Edivaldo Rodrigues protocolaram no Ministério Público do Piauí um pedido de abertura de procedimento investigativo criminal em face da prefeitura de Redenção do Gurguéia, administrada pelo prefeito Angelo Jose Sena Santos, mais conhecido como Dr. Macaxeira, para apurar suposta fraude em licitação.

Em setembro um áudio foi divulgado nas redes sociais atribuído ao vereador Daniel Bezerra, que pertence a base do prefeito. Na gravação o parlamentar teria admitido em seção ordinária da Câmara Municipal do dia 26 de agosto de 2019, que estava executando a obra de uma ponte, onde a licitação foi lançada e ninguém compareceu para concorrência.

  • Foto: Divulgação / FacebookPrefeito Angelo Jose Sena Santos, o Dr. Macaxeira.Prefeito Angelo Jose Sena Santos, o Dr. Macaxeira.

“Desde  antes de ter licitado a obra nós sabíamos que já haveria possibilidade deles cometerem fraude tanto na licitação como na execução da obra. Posteriormente a isso eu tratei disso nas sessões na câmara de Redenção, mas como nós só somos dois vereadores de oposição, os vereadores da situação eles não se manifestaram em relação a fazer um posicionamento onde o prefeito e aliados pudessem ser inibidos de cometer a pratica do crime”, relatou Amparo Gil.

Ainda sobre a denúncia o vereador afirma: “Inclusive um dos vereadores que é o mestre de obras Daniel Bezerra, que foi o responsável, nos deu as informações mais precisas de que realmente o que nós estávamos apontando procedia, ele confessou que executava obra antes da licitação, ele confessou que iria executar a obra. Com o passar dos dias eles deram segmento a obra porem utilizaram uma quantidade insuficiente de ferro e cimento entre outros materiais, consequência disso, a primeira vez que passou um veículo de médio porte a ponte se deteriorou, devido à má qualidade do serviço a ponte ficou imprestável".

Amparo Gil alerta que a ponte está toda comprometida. "Eles fizeram uns reparos lá mais não terá sucesso porque a ponte já está toda comprometida, isso na verdade só aumenta os gastos O prefeito inaugurou a ponte, utilizaram o dinheiro, fizeram um mal serviço e entregou para o município como se estivesse tudo certo”.

  • Foto: DivulgaçãoDenúncia encaminhada ao Ministério PúblicoDenúncia encaminhada ao Ministério Público

O vereador informou que encaminhou para o Ministério Público do Piauí a denúncia “ Queremos que eles analisem desde a fraude da licitação a execução da obra e nós esperamos uma reposta do MPPI e penalidade aos envolvidos “.

TCE

Em  agosto de 2018 vereadores do município de Redenção do Gurgueiaprotocolaram também uma denúncia no Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) contra o prefeito Dr. Macaxeira.

A denúncia apresentada por Edvaldo Rodrigues e Amparo Gil de Figueiredo relatava que o gestor teria praticado várias irregularidades como nepotismo, corrupção, formação de quadrilha e também peculato, que consiste no crime de desvio de verbas ou bens públicos.

Outro lado 

O Viagora procurou o gestor para falar sobre o assunto, mas até o fechamento da matéria o prefeito não foi localizado. O espaço permanece aberto para esclarecimentos. 

Mais na Web