Saúde

Wellington acerta 300 mil doses extras de vacinas para o Amazonas

Segundo o governador do Piauí a situação da doença tem se agravado e ameaça outros estados como o Pará.
22/01/2021 10h15 - atualizado

O governador Wellington Dias aprovou uma proposta para que Manaus e outros municípios do estado do Amazonas, possam receber maior reserva de vacinas contra a covid-19.

A medida foi aprovada pelo chefe do executivo estadual, na noite dessa quinta-feira (21), durante o Fórum de Governadores do Brasil. Wellington afirmou que além de ser uma medida humanitária, a decisão visa controlar o avanço da transmissão do vírus naquela região.

Segundo o governador a situação tem se agravado e ameaça outros estados como o Pará. O estado do Amazonas deve receber 300 mil de doses da vacina. 

Para evitar que o caos avance pelo país, os governadores entenderam ser melhor imunizar a maior parcela da população possível no Amazonas. 

O chefe do executivo estadual divulgou um vídeo em uam rede social, falando sobre a situação no Amazonas e sobre sua decisão. Na publicação ele escreveu que cada estado destinará 5% das vacinas contra o coronavírus, para o estado amazonense. 

"A situação no Amazonas é grave. Ontem, apresentei uma proposta que foi aprovada no Fórum de Governadores, para destinarmos 5% das vacinas que iremos receber para o Amazonas. É uma questão humanitária e torço para que seja implementada", escreveu Wellington Dias.

Mais na Web