Coronavírus no Piauí

Wellington Dias anuncia compra de vacina contra coronavírus

De acordo com informações do governador, o Piauí aderiu a um protocolo do Governo Federal, e o objetivo é testar as vacinas desenvolvidas que estejam em estado mais avançado.
15/09/2020 15h54 - atualizado

Na manhã desta terça-feira (15), o governador Wellington Dias anunciou pelas redes sociais que o Piauí irá receber 50 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 produzidas pela Rússia, por meio do Consórcio Nordeste.

De acordo com informações do governador, o Piauí aderiu a um protocolo do Governo Federal, e o objetivo é testar as vacinas desenvolvidas que estejam em estado mais avançado, como a de Oxford, na Inglaterra, a produzida nos Estados Unidos e na China.

Segundo o governador, antes da distribuição da vacina, será realizada uma fase de testes pelo Comitê Científico e somente após a aprovação será autorizado a produção da vacina na região.

“Celebramos um novo protocolo em que o Piauí também aderiu, ele é parte pelo Consócio Nordeste liderado pela Bahia, para a aquisição de 50 milhões de ampolas da próxima vacina da Rússia onde o objetivo é, após a aprovação por todo o regramento de ética a Anvisa, nós termo condições de produção no Nordeste”, disse o governador.

Mais na Web