Piauí

Wellington Dias avalia indicadores de criminalidade no Piauí

O governador afirmou que o estado já registrou melhora nos indicadores, através de operações feitas pelas forças de Segurança.
22/10/2021 19h42 - atualizado

Na última quarta-feira (20), o governador Wellington Dias declarou que o sistema de Força Integrada de Segurança Piauí, aprovado pela Assembleia Legislativa do Piauí, funciona juntamente com a Força de Segurança Integrada Nordeste.

Segundo o governador, o sistema, comandado pelo secretário de Segurança Pública do Estado, Rubens, visa garantir mais segurança e responsabilidade no estado.

  • Foto: Luis Marcos/ ViagoraGovernador Wellington DiasGovernador Wellington Dias

“O sistema é comandado pelo coronel Rubens, secretário de segurança. É um sistema que foi aprovado na Assembleia Legislativa do Piauí chamada de Força Integrada de Segurança Piauí, também integrada como Força de Segurança Integrada Nordeste. O objetivo é garantir que a gente tenha um sistema de grande responsabilidade também nessa integração”, disse.

O chefe do executivo estadual explica que força integrada atuará com base em análise do mapa da violência no Piauí e pontua áreas de crimes, onde a segurança deve ser melhorada.

“Internamente nós fazemos um planejamento com base no mapa da violência. Hoje o Piauí tem na área de homicídios a melhor situação dentro do Nordeste e uma das melhores do Brasil, mas reconhecemos que essa área de roubo, furto perturba muito. Também há a necessidade de lidar com o narcotráfico. Com base nisso nós integramos as forças com o Ministério Público e com o judiciário”, explicou.

De acordo com o governador, muitas vezes se passa a ideia de que o número de praticantes do crime aumentou, mas que na verdade é o mesmo criminoso que saiu da prisão antes do período determinado, que acaba realizando mais crimes em pouco tempo e que isso deve ser mudado.

“Às vezes passa uma ideia que cresceu a quantidade de praticantes do crime e na verdade é o entra e sai que faz com que um mesmo criminoso pratique vários crimes em uma semana, 15 dias. Então isso é o que nós vamos mudar mais fortemente", disse.

Wellington declara que se sente animado e que o Piauí já registrou melhora nos indicadores de criminalidade através de operações feitas pelas forças de segurança do estado

“Estou bastante animado, nós já tivemos melhora nos indicadores nesse mês de outubro com as operações feitas na região de Parnaíba, na região de Esperantina, Luzilândia, aqui mesmo em Teresina. Vamos agir e vamos agir no Nordeste, vamos agir com a força de inteligência nordeste, com a força de segurança nordeste e isso tira a dependência do poder central”, declarou.

Com informações de Letícia Dutra

Mais na Web