Coronavírus no Piauí

Wellington Dias defende agilidade na compra de vacinas contra Covid

O governador do Piauí participou de uma reunião com a Anvisa, senadores e outros governadores para tratar do tema das vacinas.
09/05/2021 08h00 - atualizado

Durante reunião virtual no Palácio de Karnak com diretores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), representantes da vacina Sputnik, governadores e senadores na última sexta-feira (07), o governador Wellington Dias (PT) defendeu a agilidade na compra de vacinas contra a Covid-19.

Durante a reunião, liderada pelo senador Confúcio Moura, que coordena a comissão de acompanhamento da pandemia no Brasil, foi apresentada a proposta acatada por todos os governadores para que esta comissão possa fazer a mediação e buscar solução para que o Brasil tenha condições de usar mais vacinas.

Segundo o govenador Wellington Dias, 17 estados já compraram 66 milhões de doses e uma parte já deveria ter chegado ao Brasil em abril e não chegou por falta de autorização para importação.

“Não é somente da Sputnik. Aliás, a Sputnik é um contrato maior envolvendo os estados do Norte e Nordeste, chegando a 37 milhões de doses contratadas. [...] Queremos uma solução, pois não é razoável termos pessoas morrendo com as vacinas já contratadas. Saímos dessa reunião com a esperança de que haverá uma mediação e uma solução rápida”, comentou o governador.

Mais na Web