Política

Wellington Dias faz caminhada na Zona Norte e diz que o povo está aceitando bem a sua candidatura

O senador afirma que as caminhadas estão sendo produtivas e que está percebendo que muitas pessoas ainda não sabem da sua candidatura.
    03/08/2012 11h50

    Imagem: Bárbara Rodrigues/GP1Wellington Dias(Imagem:Bárbara Rodrigues/GP1)Wellington Dias

    O senador e candidato a prefeito de Teresina Wellington Dias (PT) realizou na manhã desta sexta-feira (3) uma caminhada no bairro Cabral, na Zona Norte da capital. O senador estava acompanhado de vários militantes e do vereador Décio Solano, deputados Jesus Rodrigues e João de Deus.

    Imagem: Bárbara Rodrigues/GP1Wellington Dias(Imagem:Bárbara Rodrigues/GP1)Wellington Dias

    O senador afirma que as caminhadas estão sendo produtivas e que está percebendo que muitas pessoas ainda não sabem da sua candidatura. “Durante as caminhadas eu vejo um sentimento muito grande, favorável a nossa candidatura. Antes de eu visitar as vilas e os bairros, ainda tinha muita gente que não sabia que eu era candidato, mas aonde chego demonstram-se positivamente a nossa candidatura. As pesquisas que são feitas internamente também mostram isso e o mais importante é que são pessoas que se entusiasmam com a nossa candidatura”, disse o senador.

    Imagem: Bárbara Rodrigues/GP1Wellington Dias em caminhada(Imagem:Bárbara Rodrigues/GP1)Wellington Dias em caminhada

    Imagem: Bárbara Rodrigues/GP1Wellington Dias em caminhada(Imagem:Bárbara Rodrigues/GP1)Wellington Dias em caminhada

    Wellington Dias ainda afirmou que para levar o seu nome ao máximo de pessoas, montou uma estratégia. O seu vice, Cícero Magalhães e outros parlamentares, como a sua esposa Rejane Dias, fazem caminhadas em outros bairros da capital. “Nós estamos fazendo caminhadas e visitas todos os dias. Não somente eu, mas outros amigos parlamentares fazem caminhadas na cidade, em outras partes, porque são cerca de 300 bairro e vila, é muito grande. Acho que a nossa estratégia pode nos ajudar a vencer”, disse o senador em entrevista ao portal GP1.


    Mais conteúdo sobre:

    Mais na Web