Piauí

Wellington discute parceria entre Nordeste e França em evento

O governador destacou a vacinação e uma parceria do Consórcio Nordeste com o França para um intercâmbio turístico e cultural.
06/05/2021 07h50

O governador do Piauí e presidente do Consórcio Nordeste, Wellington Dias, participou de forma virtual, nessa quarta-feira (5), da solenidade de abertura dos Encontros Franco-brasileiros do Turismo Sustentável: uma das respostas à crise da Covid-19.

O governador destacou a vacinação e uma parceria do Consórcio Nordeste com o França para um intercâmbio turístico e cultural.

“O Brasil sempre teve uma relação muito boa e próxima com a França, seja relação comercial, no intercâmbio cultural, como também no compromisso com o futuro, com o Acordo de Paris. Nesse encontro com a presença de todos os estados do Nordeste, discutimos uma temática muito importante com cônsul geral da França, do consulado de Recife (PE), Hugues Fantou, que coloca o desejo de ampliar juntos com esse cronograma de vacinação”, ressaltou Wellington Dias.

Segundo o governo, o objetivo dos Encontros Franco-brasileiros é discutir soluções para a retomada das atividades do trade turístico regional, nacional e internacional, estimulando uma necessária dinâmica de troca de experiências.

O governador piauiense falou sobre o projeto com o Consórcio Nordeste para ampliar o turismo com voos partindo do Nordeste direto para a França. “Acertamos uma aliança francesa com o Consórcio Nordeste para garantir que tenhamos um projeto voltado para o intercâmbio na área do turismo, com redes de voos partindo do Nordeste direto para a França, assim como o intercâmbio cultural entre o país e a região Nordeste. Então, vamos juntos trabalhar em uma perspectiva de um projeto para submeter ao Consórcio Nordeste”, completou Dias.

O evento, promovido pela Embaixada da França no Brasil, Consulado da França e pelas Alianças Francesas, no qual Brasil e França se unem para diagnosticar e traçar alternativas para o setor de Turismo no período pós-pandemia, terá duração de três dias – 5, 6 e 7 de maio -, abordando os principais desafios do setor do turismo face à crise da Covid-19 com especialistas dos setores público e privado.

Mais na Web