Piauí

Wellington participa de reunião para discutir reforma da Previdência

O governador do Piauí esteve em Brasília para uma audiência com os secretários Rogério Marinho e Leonardo Bonfim, e com o economista Raul Veloso, para discutir sobre a reforma da Previdência.
08/02/2019 13h55

Nessa quinta-feira (07), o governador Wellington Dias esteve em Brasília para uma audiência com o secretário especial da Previdência Social e Trabalho, Rogério Marinho; o secretário de Políticas de Previdência Social, Leonardo José Rolim, e o economista Raul Veloso. A pauta foi a reforma da Previdência.

  • Foto: Divulgação/CCOMWellington Dias em reunião com secretários do Governo Federal e o economista Raul Veloso.Wellington Dias em reunião com secretários do Governo Federal e o economista Raul Veloso.

O governador vem dialogando sobre o tema e foi convidado para essa audiência pelo próprio Rogério Marinho. “Ele apresentou algumas propostas que têm tratado e pude transmitir algumas preocupações importantes, uma delas diz respeito à posição clara dos governadores na hora de definir medidas justas que dão solução para o futuro sobre o assunto”, disse Wellington.

Dias explicou ainda que é importante debater o assunto em conjunto. “Já vivenciamos várias fases desse mesmo tema no governo Fernando Henrique, no do presidente Lula, que fez outra etapa regulando a Previdência Complementar, e depois no governo da presidente Dilma. Tudo que foi aprovado, foi fruto de entendimentos e diálogos como há de ser”, destacou o governador. 

Sobre o que foi dialogado no Fórum dos Governadores, Wellington reforçou a questão social em relação às pessoas que precisam de um tratamento especial. O governador falou sobre garantir aos aposentados e pensionistas que seus benefícios não sofram qualquer tipo de interferência.

“De forma transparente e correta, conversamos abertamente sobre essa pauta. É um momento de grande responsabilidade para trabalhar com justiça social. O próprio ministro Paulo Guedes vai comparecer na agenda do dia 20 para dialogar com todos os governadores”, finalizou Dias.

Sobre o tema, Rogério Marinho anunciou que o governo avalia realizar um seminário para discutir a reforma da Previdência com centrais sindicais após a divulgação do texto. Segundo Marinho, a previsão é a que a proposta seja conhecida entre os dias 19 e 21 de fevereiro.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web